Receita de Pato ao Tucupí

A cozinha paraense é considerada como a mais genuína cozinha brasileira por não possuir influências européias ou africanas.
A culinária do Pará tem forte influência indígena.

Possui pratos típicos como: Pato ao Tucupí, o Tacacá, a Maniçoba, entre outras delícias como o Açaí.

O pato ao tucupí é preparado com tucupí ( caldo retirado da mandioca)  e jambu ( erva amazônica).

Ingredientes

  • 1 pato limpo
  • 2 litros de tucupí
  • 1/2 xícara de goma de mandioca
  • 4 pimentas de cheiro
  • 4 dentes de alho
  • 1 colher (chá) de sal
  • 2 maços de jambu
  • pimenta de cheiro

Modo de preparo

  1. Tempere o pato com cebola, o alho, o sal e a pimenta. Coloque-o em uma assadeira com um pouco de óleo. Leve ao forno e deixe até dourar.
  2. Retire do forno e corte em pedaços. Coloque o pato numa panela com o tucupí já fervido. Leve ao fogo e cozinhe até ficar macio.
  3. Se estiver muito seco, adicione mais tucupí.
  4. Acrescente então as folhas de jambu limpas, e deixe cozinhar até os talos ficarem bem macios.

Dicas de Mãe

Sirva acompanhado de arroz branco e farinha de mandioca.
Nas feiras livres o tucupí é vendido engarrafado. Para usá-lo, ferva-o com os temperos.
O tucupí deve ser fervido com alho, chicória, alfavaca e sal.
Jambu é uma erva de folhas parecida com as do mal-me-quer, muito usado na cozinha paraense.

Nota:

Em janeiro de 2009, meu filho, estudante de arquitetura e urbanismo da Universidade Federal do Paraná, participou da Operaçao Centro Norte do Projeto Rondon. A equipe de rondonistas da qual fez parte foi responsável por atividades de capacitaçao no município de Juruti, estado do Pará. Lá foram muito bem recebidos e tiveram a oportunidade de experimentar as delícias da culinária paraense. Esse artigo se faz como uma singela forma de agradecimento ao carinho e à acolhida que as “tias da cozinha” propiciaram aos rondonistas.

“Muito obrigado a Delma Batista, Ana Raimunda Torres Souza, e Dilcilena Guimarães de Souza pelo carinho, atenção, hospitalidade e pelas conversas tão boas, quando estávamos todos reunidos juntos no refeitório, provando as delícias da culinária do Pará!”

Renato Dombrowski – Projeto Rondon 2009

Veja mais receitas deliciosas nos

Aves,
FavoriteLoadingAdicionar a receitas favoritas
Imprimir esta Receita Imprimir esta Receita

Outras receitas que você vai adorar:

Receba GRÁTIS receitas no seu email:  

12 comentários para “Pato ao Tucupí”

  1. Tamay Karoline 18/9/2009

    é muito bom saber
    que vocês valorizam a culinária paraense
    parabéns pra voces…
    bjossssssssss

  2. Lorrany 8/6/2010

    bom demais

  3. Maria José 10/6/2010

    É muito bom saber que ainda existe o Projeto Rondon. Achei que tivesse acabado. Quando entrei na faculdade (1980) meu trote foi trabalho social com o projeto rondon. Adorei a receita. Minha filha está estudando a região norte e ficou louca para comer o pato. Vou ver se consigo fazer. Obrigada.

  4. Bira 13/6/2010

    Sou do Rio de Janeiro Estive Em Porto Velho,Mas Não pude Comer o Glorioso Pato ao Tucupí,através da Receita poderei provar…

  5. Maciel Batista 8/9/2010

    Olá Srs. !!!

    Por favor,preciso de receita de vatapa do Pará não da Bahia,quem tiver queira me encaminhar.

    grato

    Maciéll

  6. Joice 9/8/2011

    otimo esse prato uma delicia

  7. Losana 11/8/2011

    Olá Joice!
    Fiquei feliz em saber :)
    Beijos

  8. Juscelino Kubitschek 21/1/2012

    são receitas praticadas pela regiao norte em especial Parà e Macapa quanto ao tucupi e bom compra em casa especializadas,que a qualidade e superior au da feira, pois o segredo do tacaca e do pato está no tucupi.e fazer com muito amor.

  9. Marcelo Piason 13/3/2012

    manissoba,,,,,, sem comentarios muito bom

  10. Tereza 12/7/2012

    Bom dia, gostaria de saber se vende ou tem fornecedores aqui no Rio de Janeiro, dessa Goma juriti, desde de já agradecida

    • Losana 13/7/2012

      Olá Tereza!
      Desconheço fornecedores no Rio de Janeiro.
      Beijos

  11. Ubiratan Pantoja Pompeu 28/7/2016

    As fecularias são em grandes partes no paraná (feculopes). Gostei do comentário. Se formos ao médio tocantins, cidades como Abaetetuba, Igarapé Mirim, Cametá, no Pará. vamos conhecer uma variedades de produtos da gastronomia paraense. Nessa região tem o famoso MATARÁ, peixe gostoso que se saboreia de varias maneiras em especial com açai e farinha da região.Estou aqui em Barreiras-Ba, Meu nome é Ubiratan eu e minha esposa Erlene, somos missionários das Assembleias de Deus vindos de Castanhal-Pa., estamos a cinco anos pastoreando a referida igreja nesta cidade, como disse antes, pelo misisterio de castanahal. Ou tipo os hebreus quando falam bem ou mal de minha terra o sangue corre na veia. Me sinto orgulhoso com essa matéria. Um grande abraço.

Deixe o seu comentário